quinta-feira, 31 de março de 2011

Uma Nebulosa de Orion com Tempero Mexicano


(Universe Today / Cienctec) Essa impressionante nova imagem da Nebulosa de Orion tem um pouco de salsa. César Cantú do Chiledog Observatory em Monterey no México fez essa imagem no início do mês de Março de 2011. Mas ele teve que viajar até Paredón em Coah no México para escapar da nebulosidade para conseguir esse impressionante registro. As especificações usadas por ele para fazer a imagem foram: telescópio câmera de 90 mm da Astrotech APO com montagem Orion Atlas, 3 horas de exposição com 600 segundos. Mas a nebulosidade tentava seguí-lo. “A intenção eram 4 horas de exposição mas a névoa não permitiu”, disse ele. Para ver mais imagens belas acesse: http://www.astrophoto.com.mx/index.php?

segunda-feira, 28 de março de 2011

Júpiter e Mercúrio


Julio Vannini

quinta-feira, 24 de março de 2011

Sol


Paulo Casquinha

segunda-feira, 21 de março de 2011

Mar da Tranquilidade - Lua


Vaz Tolentino Observatório Lunar



"A IAU (International Astronomical Union) "batizou" em 1970, as três pequenas crateras no Mare Tranquilitatis, perto do local de alunissagem do Módulo Lunar Eagle, com os nomes dos astronautas da Missão Apollo 11."


quinta-feira, 17 de março de 2011

segunda-feira, 14 de março de 2011

quinta-feira, 10 de março de 2011

quarta-feira, 9 de março de 2011

terça-feira, 8 de março de 2011

Quando a vida imita a arte


(Radar Científico - Estadão) Não, não é uma pintura de Van Gogh. O site Gizmodo divulvou nesta quinta-feira, 3, essa impressionante imagem capturada no Everest. Usando um tempo de exposição de horas, o fotógrafo Anton Jankovoy conseguiu mostrar o caminho das estrelas no céu em um frame.

segunda-feira, 7 de março de 2011

NGC 3372


Carlos A. Krawczenko

quinta-feira, 3 de março de 2011

quarta-feira, 2 de março de 2011

Lua Minguante Fotografada Sobre o Templo de Poseidon em Atenas na Grécia


(EPOD / Cienctec) Na manhã de 1 de Janeiro de 2011, os turistas que estavam visitando Atenas, na Grécia para celebrar a chegada de mais um ano, além das belezas da cidade, foram também contemplados com uma bela paisagem nos céus, uma fina Lua minguante nascendo sobre o Templo de Poseidon. Um pouco antes do início da manhã, o arco sorridente da Lua apareceu como se estivesse se equilibrando no topo do templo de mais de 2500 anos de idade. A Lua tinha passado 26 dias depois da Lua crescente, e estava a apenas três dias da Lua nova e tinha apenas 11% de seu disco iluminado. Se hoje, dia 1 de Março de 2011, você estava em um lugar de céu claro, sem nuvens e sem chuvas, foi possível observar uma Lua semelhante a essa com 27 dias depois da fase crescente. De acordo com o calendário usado antes da reforma feita por Julius Cesar, 1 de Março era o primeiro dia do ano.